5 técnicas irresistíveis de vendas

August 22, 2017

Você sabia que o processo de venda começa antes mesmo de o cliente entrar na loja? Sua aparência, postura corporal e até o material de apoio da loja são fundamentais para o fechamento de um negócio. Depois dessa fase entram suas habilidades e sua capacidade de argumentação. Veja algumas dicas:

 

 

1 – Confiança: uma vez na loja, mostre-se disposto. Toda a sua linguagem corporal deve transparecer boa vontade: postura ereta, expressão facial amigável e boa apresentação pessoal (cabelos cortados e roupas alinhadas) fazem toda a diferença. Uma boa dica é vestir a camisa de empresa (literalmente). Se você usar o uniforme, faça-o de forma correta, com todas as peças em bom estado, lavadas, passadas e com o crachá em dia (e de preferência com uma boa foto sua). O cliente vai perceber na hora que você está ali pronto para ajudá-lo e terá mais confiança em você.

2 – Material de apoio: a maioria das lojas oferece aos vendedores uma grande variedade de material de suporte para vendas. Eles vão desde revistas, catálogos, folders e o principal, o showroom, que é onde seu cliente poderá ter uma experiência sensorial com o produto. Outra grande vantagem são as ferramentas digitais. Você pode usá-las para mostrar ao seu cliente, depoimentos de compradores satisfeitos com o produto que ele está pensando em adquirir. Use estas ferramentas com cuidado, aos poucos! Não vá empurrando tudo para cima do cliente. O momento certo de usar cada item vai aparecer naturalmente, durante a conversa.

3 – Vantagem: seja claro em demonstrar ao cliente o que ele vai ganhar levando aquele produto. Por exemplo: se o seu cliente está se mudando de uma casa para um apartamento, pode ser que ele precise de um conjunto de cozinha que ocupe menos espaço, mas que seja igualmente funcional. O segredo aqui é transformar as dificuldades do cliente em soluções. Use seus produtos para isso, pois cada um tem uma vantagem que irá ao encontro da necessidade do seu cliente. Ele se sentirá satisfeito e feliz. Esse sentimento também pode ser usado a seu favor: as pessoas tendem a retribuir quem lhes ajuda, e nesse momento elas estarão mais abertas para novas compras.

 

4 – Calma: é claro que você está se esforçando ao máximo para aumentar suas vendas, mas tenha cuidado sua atitude. Jamais demonstre desespero e, mesmo se o cliente estiver para fechar negócio, controle sua felicidade. Se ele perceber que você está precisando da venda, pode ficar desconfiado e todas as suas estratégias irão por água abaixo. Por isso, apresente argumentos mas deixe o cliente à vontade. Uma boa dica é ouvi-lo com interesse e, como no item anterior, tentar resolver seus problemas.

5 – Preço: é aqui que muitas negociações terminam. Muitos clientes viram as costas ao saber do preço do produto. Nessa hora você tem que transformar preço em valor, argumentando os benefícios que o produto trará ao seu cliente. Por exemplo: esta cadeira de escritório é um pouco mais cara, mas é feita especialmente para pessoas que têm o mesmo problema de coluna que você. Ou seja, indiretamente você está dizendo a ele que a cadeira é importante para sua saúde e esse é um ótimo argumento.

 

Gostou das dicas? Então fique à vontade para usá-las toda vez que um cliente entrar na loja e boas vendas!  






 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon